• pt
  • en

  • Joël Andrianomearisoa


    The Labyrinth of Passions Act VI, 2016
    Papel de seda
    900x300 cm
    Vista da instalação do Mykolas Žilinskas Art Museum. Kaunas, Lituânia
    Cortesia do artista e Sabrina Amrani Gallery



    The Labyrinth of Passions Act VI, 2016 (Detail)
    Papel de seda
    900x300 cm
    Vista da instalação. Mykolas Žilinskas Art Museum. Kaunas, Lituânia
    Cortesia do artista e Sabrina Amrani Gallery



    Sentimental Negotiations Act I, 2012
    Espelhos de bolso e madeira
    500x200x100 cm
    Vista da instalação. Coleccionador privado. Beirute, Líbano



    Sentimental Negotiations Act I, 2012 (Detail)
    Espelhos de bolso e madeira
    500x200x100 cm
    Vista da instalação. Colecção privada. Beirute, Líbano



    Desire/Dead Tree of My New Life, 2016
    Impressão em papel e em tecido
    130 x 100 cm
    Edição 1/2
    Cortesia do artista e Sabrina Amrani Gallery



    History/Stories, 2015
    Impressão em papel
    130 x 100 cm 
    Edição 1/2
    Cortesia do artista e Sabrina Amrani Gallery



    Sentimental garden, 2014
    Têxteis
    Dimensões variáveis
    Vista da instalação. Dak’Art Biennale. Dakar, Senegal
    Cortesia do artista



    Untitled, 2015
    Textiles
    500 x 300 cm
    Cortesia do artista



    La première aube de l'adolescence avec son délicat épanouissement, sa claire et pure lumière, sa joie pleine d'innocence et d'attente, 2015
    Néon
30x20 cm
Edição única
    Cortesia do artista e Sabrina Amrani Gallery



    Mascarade, 2017
    Denim
    Vista da instalação. Cape Town Art Fair. Cidade do Cabo, África do Sul
    Cortesia do artista e Sabrina Amrani Gallery



    Chagrin, 2015.
    Têxteis e barra de metal
    51,5 x 80 cm
    Cortesia do artista e Sabrina Amrani Gallery



    New Horizons VII, 2017
    Têxteis
    160 x 150 cm
    Cortesia do artista e Sabrina Amrani Gallery



    Joël Andrianomearisoa nasceu em Antananarivo, Madagascar, em 1977. Formou-se como arquitecto na Ecole Spéciale d’Architecture, em Paris. Nos últimos três anos expôs individualmente em Espanha, França, Inglaterra, Bélgica, Suiça, Itália, Lituânia, Marrocos, Egipto, Mali, Estados Unidos da América e Brasil tendo trabalhado com curadores de renome como Simon Njami, Marie-Ann Yemsi e Marco Scotini. O seu trabalho faz parte de colecções públicas e privadas como o Zeitz MOCAA (África do Sul), National Museum of African Art – Smithsonian Institution (EUA), Studio Museum Harlem (EUA), Sindika Dokolo Foundation (Angola), Fond Régional d’Art Contemporain – Frac La Réunion (França), Fundação Leal Rios (Portugal), Frédéric de Goldshmidt (Bélgica), entre muitas outras.

    Joël Andrianomearisoa vive e trabalha entre Paris e Antananarivo.




    Ao utilizar este website está a concordar com a utilização de cookies de acordo com o nossa política de privacidade.